Olhe aqui... Preste atenção...

Siga por e-mail

Curta a página "Poesias da Cris" no facebook

Instagram

segunda-feira, 4 de fevereiro de 2013

Ao som do Jazz


(ouça também: http://www.jazzradio.com/)

Pois é...
Às vezes... Quase sempre... Todo dia, vai...
A insônia me pega.
Daí o que fazer de melhor?
Música!
Ouvir música me remete a quê?
POESIA!
Daí vêm os sonhos poéticos e cenários que nem mesmo sou capaz de frequentar...
Dessa vez, abri minha casinha virtual, meu cantinho poético e ouvi um som desses de deixar a gente em transe e a imaginação correu solta.
Imaginei um bar, um balcão, meia luz...
O barman performático olhou de forma sedutora e me perguntou se eu queria ser presenteada com a especialidade da casa, no caso o drink mais afrodisíaco que ele poderia criar naquele momento, exclusivamente para mim...
Eu, mais fatal impossível... Maquiada e em um vestido vermelho portando uma piteira, pedi primeiro o fogo e depois disse: "Quem sabe... Vou pensar no caso..."
O charmoso, musculoso e sedutor barman perguntou se eu esperava alguém e eu prontamente disse que sim, mas não estava chegando e resolvi arriscar um papo com o sedutor dono do olhar mais sexy que poderia encontrar naquele inferninho.
Aquele olhar me imantou até ele, e sorrindo de lado, com jeito safado disse: "Baby, hoje você vai beber e ter o meu melhor..."
Ele me serviu, e bebi, como descrever o que senti?
Soltem a imaginação... Pois eu também viajei...

Cris Passinato